CUIDADOS EMOCIONAIS DURANTE QUARENTENA: O QUE FAZER PARA FICAR BEM CONSIGO MESMA?

Como viver com mais qualidade e menos ansiedade?

O distanciamento social imposto pela crise causada pela Covid-19 mudou completamente a rotina das pessoas: o trabalho remoto e as compras online são só o começo. A fase que estamos vivendo é única e sem precedentes, o que mexe demais com nosso psicológico. Por isso, cuidados emocionais durante a quarentena são fundamentais para manter sua saúde mental e seu bem-estar.

Desde que o Coronavírus chegou em nosso país, as notícias são alarmantes. O mundo todo vive uma situação parecida com momentos de guerra e, claro, isso assusta. Sem contar que é muito comum nos colocarmos no lugar das pessoas que mais têm sofrido o efeito da Covid-19 e sentirmos empatia por elas, assim como sofrer por antecipação do que pode ou não acontecer com a gente.

Por isso, mais do que nunca precisamos conversar sobre cuidados emocionais durante a quarentena para que possamos passar por este momento da maneira mais saudável possível. Aqui, no blog, reunimos algumas boas práticas que podem ajudar a trazer mais conforto.


É normal que essa pandemia atual gere mais ansiedade?

Sim, totalmente. A ansiedade é um sentimento que surge diante de acontecimentos que não estão sob nosso controle. Pessoas ansiosas se preocupam muito com o que ainda vai acontecer – o famoso “e se…”. Todos nós sentimentos ansiedade em algum momento. Porém, também existe o transtorno de ansiedade, que são níveis excessivos dessa emoção e podem comprometer seu dia a dia e sua qualidade de vida.

A crise do Coronavírus e as incertezas do futuro são um grande gatilho para quem é ansioso ou sofre com o transtorno. Mas também tem gerado mais estresse naqueles que não tinham tantos problemas com ansiedade.

Entretanto, para que a sensação seja aliviada, é preciso viver um dia de cada vez, olhar para si mesmo e entender tudo o que está passando. A correria da rotina nem sempre nos dá essa chance, mas agora pode ser o momento.

Como entender o que você está sentindo?

No dia a dia normal, trabalhamos, saímos com amigos, ficamos no trânsito e tudo o que queremos, às vezes, é um pouco de tempo sozinhos. Com o distanciamento social, passamos a ter muito mais tempo isolados, o que pede cuidados e autocompreensão.


Internamente

Ficar longe das pessoas que amamos e ter que rever a rotina com uma guinada tão grande causa muita confusão mesmo. Mas é fundamental pensar que o isolamento é por um bem maior: pela saúde e pela segurança nossa e dos outros. Tente respirar, meditar e concentrar em que isto é uma fase, que logo vai passar.

No trabalho

O fato de vermos diariamente notícias sobre perdas de emprego e retração da economia assusta, mas viver em função disso pode nos paralisar. O melhor a fazer é seguir seu trabalho, fazendo o melhor possível. Não pense no que pode acontecer no futuro, mas, sim, no que você pode fazer agora de diferente.

Quais cuidados emocionais durante a quarentena são possíveis de fazer sem sair de casa?

Você pode ter diversos cuidados emocionais durante a quarentena que vão trazer mais força e permitir que você se adapte da melhor forma. Nós listamos alguns importantes:

Canais de terapia online

Para quem sente que a ansiedade está ultrapassando os limites e impedindo sua vida de seguir em frente, há diversos canais que oferecem terapia online. Vale até mesmo procurar sua psicóloga de sempre e fazer a sessão via Skype ou outra ferramenta.

Buscar ajuda é uma atitude muito proativa e necessária para se estabilizar. O psicoterapeuta vai ajudar que você se fortaleça tanto para esse momento quanto para situações futuras, além de fazer com que você perceba quais são seus gatilhos.


Rede de apoio entre amigos

O fato de os encontros presenciais terem sido interrompidos não é motivo para parar de conversar. Os grupos de WhatsApp podem ser uma ótima rede de apoio. Que tal reunir as pessoas que mais lhe trazem força e conforto e combinar conversas semanais?

Entender que se trata de uma fase

Talvez esse seja o item mais difícil. O isolamento pelo qual estamos passando não vai existir para sempre, é passageiro. Por mais que a duração seja incerta, vai passar e uma nova realidade vai existir. Lembre-se de que nenhum estado é permanente.

Filtrar as notícias

A ideia não é se alienar da realidade, mas filtrar as notícias e entender a forma que funciona melhor para você. Assistir a telejornais pode ser mais impactante para muitos, porque há depoimentos e cenas mais fortes. Às vezes, ler as notícias é mais fácil.

Lembre-se também de escolher bons canais de informação, fonte seguras e que chequem os fatos são melhores do que notícias com títulos assustadores sem compromisso com a verdade.

Adequar-se à nova rotina

Se você tem que trabalhar de home office, estabeleça uma nova rotina que faça sentido e concentre-se nela. Enquanto estiver trabalhando, foque nos afazeres, faça pausas programadas para almoço ou café. Estar mais em casa traz mais tempo livre que pode ser usado para ler mais, assistir a séries e documentários ou ainda tornar o seu lar um espaço mais aconchegante, com fragrâncias que mexem com a memória olfativa e seu estado de espírito.