6 DICAS PARA MONTAR UM JANTAR ROMÂNTICO SIMPLES + RECEITA DE MENU COMPLETO

A chef Paula Prandini traz dicas e receitas mais do que especiais para esse momento!

Nos últimos tempos, foi natural repensar hábitos e as mudanças de rotina que a quarentena impactou na vida de todos nós. Mas é importante manter o romance no dia a dia, até para que a gente se fortaleça e aproveite a sorte de ter ao lado quem se ama. Por isso, faz todo sentido preparar, vez ou outra ou no Dia dos Namorados que se aproxima, um jantar romântico simples — mas que traga toda uma atmosfera gostosa à rotina.

E sabe o que é mais incrível? Você não precisa ter a maior experiência do mundo com culinária para fazer um jantar gostoso e que vai trazer uma magia especial à relação. A chef Paula Prandini, que também é empreendedora no Empório Jardim e no Stuzzi Gastro Bar, conversou com a gente e deu muitas dicas incríveis para que esse momento seja único. De quebra, ela também compartilhou receitas passo a passo para um menu completo!

Jantar romântico simples: como torná-lo um evento especial?

Quando saímos para comer fora em ocasiões especiais, tem todo um clima especial. Faz parte caprichar na produção, deixar o celular de lado e conversar sobre planos e assuntos que fogem das contas a pagar e das tarefas básicas da rotina. Ao preparar um jantar romântico simples em casa, tudo isso deve ser relembrado. Assim como outras dicas que trazemos!


1. Encare seu jantar romântico como um evento

Não é porque você e o parceiro estão em casa que o jantar será sem glamour, não é? “É legal curtir esse momento como um programa mesmo. Usar aquela toalha de mesa bonita que só é colocada em ocasiões especiais, escolher uma louça bacana, fazer uma arrumação na mesa diferente, com um guardanapo legal. Sabe a taça de vinho que você diz que só vai usar em dias de festa? Use-a e pense nesse jantar como uma festa”, comenta a chef Paula Prandini.

Além disso, usar luz de velas é uma boa e, claro, deixar a televisão desligada e o celular bem longe para que vocês apreciem a presença um do outro.

2. Faça uma produção especial para o momento

A chef e empreendedora, mesmo com uma rotina corrida, faz questão de parar em alguns momentos para um jantar a dois feito em casa com o marido. Ela mesmo conta: “vamos ficar em casa, mas por que não nos arrumarmos? Eu fui lá, tomei meu banho, passei maquiagem, usei um perfume e coloquei uma roupa diferente”. 

São momentos superimportantes para que o casal relembre do começo da relação, como Paula também explica: “não importa se é um jantar romântico para o seu marido ou esposa há 15 anos ou namorado de um mês, o legal é retomar toda a preparação que fez parte da conquista lá no início”.


3. Divida bem as tarefas com seu parceiro ou sua parceira

A divisão das tarefas de um jantar romântico simples permite que os dois se envolvem com a ocasião e ainda possam fazer pequenas surpresas um para o outro. “O elemento surpresa também é importante. E isso pode vir da música escolhida, da arrumação da mesa, enfim. Eu gosto muito de dividir as tarefas”, comenta a responsável pelo Empório Jardim e Stuzzi Gastro Bar.

Paula também fala sobre como costuma dividir esses momentos com o marido: “o Jonas montou a mesa, acendemos uma vela, colocamos uma música no Spotify e abrimos um champanhe enquanto a gente cozinhava. Dividir bem as tarefas é importante para não ter brigas. Porque não é um jantar para matar a fome, é um evento. Então, temos que cuidar certinho das etapas para o clima permanecer”.

4. Não deixe para depois vinhos ou itens especiais

É muito comum a gente ganhar vinhos ou ter louças especiais que ficam guardados esperando um momento que nunca chega, não é mesmo? Para esses casos, Paula tem o melhor questionamento: “tem ocasião mais especial que você e seu/sua parceiro (a)? Eu acredito que essas coisas tornam um jantar especial de verdade porque você está curtindo aquele momento a dois”.


5. Considere os gostos um do outro

Fazer um menu todo caprichado, considerando o que os dois mais apreciam, torna a ocasião ainda mais incrível e demonstra carinho. Por exemplo, acrescentar um ingrediente que ambos adoram ou optar por um vinho marcante.

“Por exemplo, no meu jantar com o Jonas, eu fiz as refeições e ele montou a mesa. Certeza de que ele escolheu a louça que gosto, o guardanapo que acho mais bonito e a taça de vinho que eu adoro. Então, eu também vou ter o cuidado de lembrar que ele adora cogumelos e acrescentar esse ingrediente em um dos pratos”, comenta.

6. Prepare um menu mais leve

Como o objetivo é o romance, pratos muito pesados não vão ajudar muito... “Precisa da leveza para não ficar um para cada lado, se sentindo pesado. Assim, é possível curtir uma música depois e também fazer os passos de um jantar romântico. No menu que passo, tem uma entradinha, um prato e uma sobremesa — se forem pesados, você não faz o curso completo. Está na magia do romantismo fazer isso, porque você experimenta coisas diferentes, vai conversando e cada prato remete a um assunto”, sugere a chef.

Menu para um jantar romântico simples: receitas da chef Paula Prandini

A chef e empreendedora no Empório Jardim e no Stuzzi Gastro Bar nos ensina um menu simples e muito saboroso, com direito a entrada, prato principal e sobremesa! Confira:

Tartare de salmão com guacamole


Ingredientes do tartare

200g de filé de salmão cortado em cubos pequenos

Suco de 1/2 limão

Sal, pimenta e azeite extravirgem a gosto

1 colher pequena de mostarda Dijon

5 gotas de Tabasco

Salsa picada a gosto

Manjericão picado a gosto

Cebolete picada a gosto

Ingredientes do guacamole

1 avocado ou 1/3 de abacate comum

1 tomate cortado em cubinhos 

Sal, pimenta e azeite extravirgem a gosto

Algumas gotas de suco de limão

1/2 colher de sopa de coentro picado

1/2 colher de sopa de salsa picada

1/2 dente de alho bem picado

1 colher rasa de sobremesa de cebola bem picada

Modo de preparo

Para o tartare, em uma tigelinha, misture todos os ingredientes e acerte tempero, se necessário. Deixar marinando por, pelo menos 30 minutos, antes de servir. Ele deve ser servido bem gelado.

Para o guacamole, amasse o avocado já descascado com um garfo e misturar todos os outros ingredientes. Acerte sal e pimenta e reserve na geladeira.

Sirva o tartare com uma boa colherada de guacamole ao lado, acompanhado de torradinhas ou crocantes de milho, se preferir.

Conchiglione recheado de ricota, espinafre e castanha-do-Pará com molho de tomate e manjericão


Ingredientes

600g de massa conchiglione já cozida em ponto "al dente" 

2 xícaras de folhas de espinafre já lavadas e secas

200 gramas de ricota fresca

60 gramas de castanha do Pará picada

4 colheres de sopa de queijo parmesão ralado

2 colheres de sopa de cebolete picada

1 colher de sopa de salsa picada

1 colher rasa de sopa de cebola bem picada

Folhas de manjericão a gosto

Noz moscada ralada a gosto

2 dentes de alho bem picados

Sal, pimenta e azeite extravirgem a gosto

2 xícaras de molho de tomate da sua preferência 

Modo de preparo

Em uma frigideira antiaderente, refogue o alho com um pouco de azeite, sem deixar queimar. Com o fogo alto para não criar água, juntar os espinafres e refogar por um minuto só. Acerte sal e pimenta e retire do fogo. 

Pique bem o espinafre e misture em uma tigela já com a ricota amassada. Misture os dois e junte a castanha, o queijo ralado, as ervas frescas picadas, a cebola, a noz moscada ralada. Mexa até ficar bem homogêneo. Acerte tempero com sal, pimenta e azeite a gosto e reserve para rechear a massa.

Recheie bem cada conchiglione cozido e, quando terminar, espalhe o molho de tomate em uma travessa, disponha as "conchinhas" recheadas por cima, regue com um fio de azeite e salpique as folhas de manjericão.

Leve rapidamente ao forno preaquecido a 180 graus, apenas para esquentar. Sirva imediatamente e com queijo ralado, caso queira.

Crumble de maçã com sorvete de baunilha


Ingredientes da farofa

60 gramas de manteiga gelada cortada em cubinhos

60 gramas de açúcar

1 pitada de sal

60 gramas de farinha de trigo

60 gramas de amêndoa moída ou bem picada na faca

Ingredientes do crumble

300 gramas de maçã já descascadas e cortadas em cubos médios

20 gramas de uvas-passas pretas

1 pitada de canela em pó

1 colher rasa de sopa de açúcar

1 colher de café de essência de baunilha ou 1/4 de fava de baunilha fresca (somente a semente)

1 colher rasa de sopa de manteiga

Modo de preparo

Para a farofa, misture tudo com a ponta dos dedos até obter uma textura de farofa e reserve. Não deixe a massa se misturar muito, ela tem que ficar com textura “esfarelenta” mesmo.

Para o crumble, em uma tigela misture todos os ingredientes, menos a manteiga. Aqueça uma frigideira antiaderente, coloque a manteiga e, quando derreter, junte a mistura das maçãs e deixe refogar bem. Mantenha o fogo de médio a alto, para não criar água, mas tome cuidado para não queimar. Mexa de vez em quando. Quando a maçã der uma ligeira murchada, retire do fogo e reserve.

Unte dois ou três potinhos de cerâmica, que possam ir ao forno, com um pouco de manteiga e distribua o refogado das maçãs neles, sem encher muito. Espalhe a farofa doce por cima, dando uma leve apertada.

Pré-aqueça o forno a 200 graus por dez minutos. Abaixe a temperatura para 160 graus, coloque os crumbles dentro do forno e asse por cerca de 15 minutos. Sirva com sorvete de creme em seguida.

Um jantar romântico simples e supersaboroso! Para quem quiser opção de bebida, a chef sugeriu um espumante brut ou um vinho branco chardonnay ou sauvignon blanc para acompanhar o tartare de entrada. Para o prato principal, “a dica é um vinho de uva sangiovese, típica da região da Toscana, um vinho italiano, de corpo médio, cai muito bem!”.


Outra sugestão de Paula é preparar a sobremesa antes e deixá-la na geladeira até a hora de servir, assim vocês dois aproveitam melhor o momento do jantar. “E não se esqueça de que a manteiga gelada é importantíssima para dar a farofa do crumble, senão vira uma massa”.

Gostou das nossas dicas para um jantar romântico simples? Aproveite e assine a nossa newsletter para receber conteúdos como esse direto em seu e-mail!