Moda minimalista: o que você precisa saber sobre essa tendência atemporal?

Moda minimalista: o que você precisa saber sobre essa tendência atemporal?
Publicado em: No Closet

Que tal se, além de roupas, você também vestir o conceito da moda minimalista? Vem saber mais!

Você já ouviu aquela frase que diz que “existem pessoas elegantes e pessoas enfeitadas”? Ela retrata muito bem a ideia da moda minimalista, que defende que para estar na moda não é preciso consumir desenfreadamente, ter uma quantidade absurda de acessórios ou mesmo de peças no seu guarda-roupa.

A proposta minimalista, que parece recente, na verdade já é uma velha conhecida dos estilistas e ganhou mais reconhecimento justamente por ser qualificada como atemporal. Isso e muito mais você poderá descobrir ao longo deste conteúdo sobre moda minimalista. Vamos conferir?

O que é minimalismo na moda?

O minimalismo é um conceito bastante direto quando o assunto é provar que menos é mais. Muitas pessoas vêm aderindo a esse estilo de vida, uma transformação que perpassa inclusive pela moda minimalista.

Para consumir menos peças de roupas não é preciso perder o seu estilo, pelo contrário. Na moda, o minimalismo tem uma pegada voltada para a simplicidade, e até para o genderless, tanto no desenho quanto na utilidade das peças. Por isso, as formas são mais retas e as cores mais neutras, facilitando o uso de uma única peça de roupa em várias composições.

Isso deixa o guarda-roupa muito mais inteligente e funcional. Além disso, é primordial que as roupas sejam escolhidas a dedo, priorizando principalmente sua qualidade em detrimento da quantidade. Por isso, existe uma atenção redobrada quanto aos tecidos, cortes e modelagem — o que faz toda a diferença quando o assunto é sofisticação e elegância.

Como esse estilo surgiu?

O minimalismo na moda remonta ao estilista espanhol Cristóbal Balenciaga, que vem fazendo sucesso com o conceito desde os anos 1950. Na verdade, ele modificou a alta costura feminina, implementando criações com características voltadas à identidade, leveza e praticidade das peças.

No Brasil, uma das entusiastas do estilo foi Raquel Davidowicz, que se inspirou principalmente em Yohji Yamamoto e Rei Kawakubo. Ambos foram considerados mestres da simplicidade, usando processo e tecidos bastante tecnológicos e minimalistas.

Qual o valor atemporal dos looks básicos?

Quando se trata de minimalismo, estamos falando diretamente de práticas mais sustentáveis e duráveis. Trata-se de um estilo atemporal, o que faz com que uma peça que tenha feito sucesso há décadas ainda possa ser adaptada aos estilos atuais.

Por serem looks básicos, os elementos da moda minimalista podem ser jogados com absolutamente qualquer coisa, que atribuirão um aspecto bastante peculiar ao estilo de uma pessoa. Tudo isso sem demandar que alguém tenha araras lotadas de roupas, calçados ou acessórios, o que é ainda mais atrativo.

Quais são as inspirações na moda minimalista?

Reunimos aqui dois dos principais nomes quando o assunto é moda minimalista. O primeiro é de uma estilista renomada nesse universo, e o segundo é de uma das grifes mais requisitadas quando o assunto é estilo e simplicidade combinados - e ainda assina uma das nossas fragrâncias mais querida. Veja só!

Gloria Coelho

Gloria Coelho é uma das principais inspirações quando o tema é moda minimalista com uma pegada futurista. Seus looks são compostos com modelagens geométricas, além do uso de tecidos metálicos, que ganharam destaque em coleção de outono. Para os dias mais frios, o que ganhou a vez foi o couro, que deu uma nova vida às propostas de alfaiataria.

Isolda

A Isolda é uma grife que também vem se tornando referência dentro da moda minimalista. A sua principal proposta é que moda, arte e design caminhem lado a lado. Para isso, ela trabalha com estampas que são pintadas à mão, com um espírito jovem e livre, além da já registrada marca do tropical chic, que vem ganhando as mulheres mais influentes ao redor do mundo. Não à toa, a marca assina os perfumes Cajueiro e Flor de Cajueiro, dois queridos por aqui.

Então, como praticar o minimalismo?

O minimalismo é um conceito que, com certeza, extrapola a moda e pode ser adotado como um estilo de vida. Mas, assim como tudo que envolve personalidade, ele pode ser muito bem expressado nas peças de roupa, que acaba sendo uma das primeiras mudanças que acontecem na vida de quem faz essa transição.

As principais características norteadoras desse estilo são a praticidade e a leveza. Em outras palavras, são peças que transmitem pouca informação, mas de uma forma bastante contemporânea e até moderna. E as roupas chamadas de “coringas” são ideais para um guarda-roupa minimalista.

Quer alguns exemplos? Invista em:

  • jeans pretos que se adaptam a qualquer look;
  • blazers que podem ser usados tanto em eventos casuais quanto profissionais;
  • peças de alfaiataria com um toque clássico, mas que podem ser assimetricamente combinadas;
  • camisetas de tons neutros ou lisas com as cores do ano, que vão muito bem com qualquer composição;
  • calçados confortáveis e de qualidade, como brogues, sandálias e oxfords.

Quando aproveitadas de diferentes formas, essas peças podem muito bem atribuir elementos de simplicidade e elegância, dando aquele ar estiloso, sem precisar chamar a atenção ou mesmo sobrecarregar o guarda-roupa.

Mas, mais importante que tudo isso, é a mudança de mentalidade que deve acontecer. Manter-se consciente em relação aos seus padrões de consumo é fundamental! Escolha cada peça de maneira responsável, de modo que elas sejam funcionais, práticas e de qualidade excepcional, para que acompanhem você por muito tempo.

Independentemente do estilo que escolher, é possível compor um visual minimalista e que torne o seu dia a dia muito mais prático e confortável quando o foco for as suas roupas. O segredo é acertar a mão na modelagem, para deixar o seu corpo mais livre. E você também pode dar um toque final, combinando o minimalismo à perfumaria e moda. Que tal?

Nunca estivemos tão perto de uma moda tão refinada e sustentável como a proposta apresentada pela moda minimalista. Então, se você se mantém com as antenas ligadas às tendências que fazem bem para o planeta e para o seu estilo, vai se adaptar muito bem a essa proposta.

E se você curtiu saber mais sobre esse mundo cativante do minimalismo e da simplicidade, sem perder a elegância, vai gostar de ficar por dentro de outros conteúdos relacionados. Então, assine nossa newsletter e receba as novidades pelo seu e-mail!

Carregando...
2209 visualização(ões)

Colaborou para este conteúdo

Perfumaria Phebo
Perfumaria Phebo

Em 1930, os primos portugueses Antonio e Mario Santiago fundaram em Belém - no coração da Amazônia - a Phebo, uma perfumaria de altíssima qualidade e com fragrâncias marcantes e originais. O nome Phebo, o deus grego do Sol, foi escolhido para simbolizar o nascimento de uma nova Era da perfumaria brasileira. Com mais de 90 anos de história, a Phebo mantém a sua tradição de inovar com fragrâncias únicas e sofisticadas.

Comentários
Deixe o seu comentário
Seu endereço de e-mail não será publicado